Qual a melhor idade para fazer meu intercâmbio?

Foi-se o tempo onde apenas adolescentes e jovens faziam um intercâmbio.

Com a grande disponibilidade de cursos e destinos, hoje existem programas para todas as idades, o que possibilita ter sempre uma opção para realizar sua viagem, aprimorar o idioma e conhecer novas culturas.

Crianças de até 12 anos podem aproveitar cursos de curta duração nas férias escolares, quando são ofertados programas tanto de estudos como de lazer. Já para quem está no ensino médio, com idade entre 14 e 17 anos, é possível estudar em uma escola no exterior, promovendo o aprendizado do idioma, a imersão na cultura e o desenvolvimento pessoal. Mas, para isso, é preciso ter conhecimento prévio da língua para compreender os conteúdos.

Na faculdade, dá pra fazer uma parte do curso no exterior, chamada de graduação sanduíche, mas também existe a possibilidade de realizar toda a formação em outro país, independente da idade. Esta vida acadêmica é acompanhada de muita interação com outras culturas, pois estudantes de diversas partes do mundo costumam realizar sua formação em outros países. Para quem já é formado e busca mais qualificação, é possível também realizar cursos de pós-graduação, mestrado e MBA.

Por último, existem sempre os cursos de idiomas, que podem ser de curta ou longa duração. Alguns até permitem trabalhar enquanto permanece no país, promovendo um aprendizado intenso da cultura e do idioma. Além disso, trabalhar possibilita juntar algum dinheiro, seja para custear o intercâmbio, viajar durante o período de férias ou mesmo poupar. O ideal é ter, no mínimo, 16 anos.

Existem também programas que se encaixam perfeitamente para pessoas que estão na terceira idade, possibilitando que a aqueles que sempre sonharam em viver a experiência de um intercambio colocarem em prática.

Conhecer novas culturas não tem idade, e as opções crescem a cada dia. Procure o melhor destino para a sua viagem e viva essa experiência.